Importância do café da manhã.

Por que eu preciso comer um bom café da manhã?

Importância do café da manhã.

O que comer no café da manhã?

 

Se você é o tipo de pessoa que acorda sem fome e sai correndo para trabalhar ou levar os filhos para a escola e não come nada pela manhã, este texto é para você! O café da manhã é a principal refeição do dia. Você que segue o blog já viu diferentes e diversos textos sobre este assunto. Nada mudou. O café da manhã continua sendo a principal refeição do dia, mas ainda têm pessoas que pulam ou não fazem essa refeição de forma adequada.

Confira os benefícios de tomar café da manhã:

Com base em estudos observacionais, estes são os principais motivos para tomar café da manhã poucas horas depois de acordar:

1 Abastecer o seu tanque

Tomar o café da manhã fornece energia para o seu dia e ajuda o seu corpo a ter o melhor desempenho. Não tem como começar o dia sem energia. Se você não abastecer o corpo ele vai fazer de tudo para não gastar energia e queimar as suas reservas.

2 Melhorar a saúde do coração

A manhã é quando o seu corpo é mais sensível à insulina e usa o açúcar no sangue de forma mais eficaz. Portanto, é um ótimo momento para escolher carboidratos cheios de fibras que o ajudarão a obter 25 gramas ou mais de fibra alimentar por dia para ajudar a reduzir o colesterol, melhorar o intestino e aumentar o metabolismo da gordura.

3 Reduzir o risco de diabetes

Um estudo observacional descobriu que pessoas que pularam o café da manhã de quatro a cinco dias por semana tiveram um risco 55% maior de diabetes tipo 2.

No entanto, é importante estar atenta ao que você irá comer. Cereais açucarados ou pratos tradicionais de café da manhã, como rosquinhas, muffins, waffles, panquecas e bolos, podem ser ricos em açúcar, amido ou gordura.

4 Reduzir o nevoeiro cerebral

O seu cérebro precisa de combustível para funcionar. O café da manhã pode ajudá-la a ficar mais alerta, focada e feliz. Só não exagere no café, duas xícaras está ótimo.

Crianças e o café da manhã

Importância do café da manhã para as crianças.

É particularmente importante que as crianças alimentem as suas mentes no café da manhã. Estudos mostram que crianças que comem de manhã são mais capazes de prestar atenção na escola, resultando em um melhor desempenho acadêmico.

Café da manhã e massa magra

“Um estudo publicado no JAMA em 2020 evidenciou que as pessoas que fizeram jejum intermitente pulando o café da manhã após um ano perderam 10% da massa magra, ou seja, massa muscular. O café da manhã nunca deve ser pulado. O resultado disso no longo prazo é uma queda no metabolismo. Se a pessoa quiser pular uma refeição, esta refeição deve ser o jantar. Infelizmente a maioria das pessoas faz o oposto. Come muito no jantar e quase nada no café da manhã”, alerta o Dr. Daniel Benitti, cirurgião vascular que atende em São Paulo, Campinas e a distância (on-line).

LEIA TAMBÉM: Jejum intermitente: quais os efeitos na saúde, envelhecimento e doenças crônicas?

A que horas você deve tomar o café da manhã?

Que horas devo tomar café da manhã?

O termo “café da manhã” significa quebrar o jejum. E, em algum momento do nosso dia, todos nós fazemos isso, seja às 7 da manhã ou ao meio-dia. Idealmente, a recomendação é colocar um pouco de comida na barriga dentro de duas horas após se levantar para o dia.

Encontrar esse tempo para comer, no entanto, parece ser um problema para alguns. Quase 25% das pessoas que pulam o café da manhã dizem que simplesmente não conseguem encaixar a refeição em sua programação matinal.

Se as suas manhãs são agitadas, planeje com antecedência para poder pegar e levar, ou acorde mais cedo e logicamente durma mais cedo. Deixe a mesa pronta antes de deitar.

Começar o seu dia com uma refeição rica em proteínas pode mantê-la satisfeita por mais tempo e ajudá-la a evitar lanches e petiscos, o que pode ajudar a evitar quilos indesejados.

Alimentos saudáveis para comer no café da manhã

Para evitar que os seus olhos fiquem semicerrados às 10 da manhã, escolha alimentos integrais e pule alimentos processados que tenham açúcar extra. Comer uma variedade de alimentos nutritivos pode ajudá-la a se sentir mais satisfeita por mais tempo e levá-la até o almoço bem disposta.

Iogurte grego e queijo cottage

Iogurte no café da manhã.

Esta combinação de proteína e gordura pode lhe dar uma sensação de saciedade que dura um pouco mais. Você pode misturar frutas, nozes ou cereais integrais. Algumas pessoas até gostam de espalhar queijo cottage na torrada. Cottage, não ricota!

Manteiga de amendoim e grãos

Pasta de amendoim no café da manhã.

A gordura e a proteína saudáveis da manteiga de amendoim combinam bem com uma fatia de torrada rica em fibras Se você tem alergia ao amendoim, o abacate é outra cobertura saborosa para torradas.

Aveia

Aveia no café da manhã.

Combine-a com frutas e nozes ou linhaça. A aveia leva apenas 3 minutos no micro-ondas, então não precisa ser demorado.

Se você é uma pessoa que planeja com antecedência, experimente preparar a aveia durante a noite. Este café da manhã pré-fabricado apresenta aveia embebida durante a noite em água, leite ou iogurte.

Omeletes

Omelete no café da manhã.

Quer tirar as sobras de legumes da noite passada da geladeira? Uma omelete é uma excelente opção nutritiva e vai acabar com o desperdício.

Faça uma mistura de ovo ou tofu com vegetais usando os produtos do mercado.

Quer outra opção? Coloque o ovo ou tofu mexido em um envoltório de grãos integrais e adicione feijão, salsa e uma pitada de queijo. Você pode fazer com antecedência e colocá-los no microondas ou comê-los gelados.

Shake de café da manhã

Vitamina no café da manhã.

Se comer um bom café da manhã ainda é difícil, experimente beber. Um “Ultra Shake” pode ser uma refeição matinal ultra-nutritiva.

Para crianças ou adultos que não estão com fome, uma bebida pode ser uma opção melhor. Um copo de leite A2A2 com um pedaço de fruta ao lado ou um shake de substituição de refeição com baixo teor de açúcar pode ajudar.

LEIA TAMBÉM: Pular o café da manhã aumenta o risco de doença cardiovascular

Para consulta e agendamento com o Dr. Daniel Benitti em Campinas, ligue para (19) 3233-4123 ou (19) 3233-7911.

Para consultas com o Dr. Daniel Benitti em São Paulo, ligue para (11) 3081-6851.

Caso prefira, entre em contato diretamente com ele via e-mail:

Alimentação para Lipedema

Comer bem reduz o risco de todas as doenças crônicas, inclusive o Lipedema

Alimentação para Lipedema

 

Se você tem um histórico familiar de doença cardiovascular, provavelmente você sabe que manter uma dieta saudável pode reduzir o risco. Mas, você sabia que focar em combinações de alimentos avaliados por sua capacidade de combater doenças pode ajudar a diminuir os riscos de muitas doenças crônicas, incluindo câncer, diabetes e artrite, inclusive o Lipedema?

O Índice de Alimentação Saudável Alternativa (AHEI) atribui classificações a alimentos e nutrientes preditivos de doenças crônicas. Os pesquisadores de Harvard criaram o AHEI como uma alternativa ao Índice de Alimentação Saudável do Departamento de Agricultura dos EUA, que mede a adesão às Diretrizes Dietéticas federais para os americanos.

O AHEI classifica a sua dieta atribuindo uma pontuação que varia de 0 (não adesão) a 110 (aderência perfeita), com base na frequência com que você come certos alimentos, tanto saudáveis, quanto não saudáveis.

Por exemplo, alguém que relata não comer vegetais diariamente receberia nota zero, enquanto alguém que comia cinco ou mais porções por dia ganharia 10. Para uma opção não saudável, como bebidas adoçadas com açúcar ou suco de frutas, a pontuação é inversa: a pessoa que come uma ou mais porções pontuaria zero e zero porções receberia 10.

Pesquisas associam altas pontuações no AHEI a um menor risco de doença crônica. 

“Um estudo publicado em 2012 no Journal of Nutrition, que incluiu 71.495 mulheres e 41.029 homens, descobriu que as pessoas que pontuaram mais alto no AHEI tinham um risco 19% menor de doença crônica, incluindo um risco 31% menor de doença cardíaca coronária e 33 % menor risco de diabetes, quando comparado a pessoas com baixos escores de AHEI. Outro estudo no American Journal of Clinical Nutrition descobriu que entre 7.319 participantes, aqueles que obtiveram pontuações altas no AHEI tiveram um risco 25% menor de morrer por qualquer causa e um risco mais de 40% menor de morrer de doença cardiovascular do que os escores baixos de AHEI”, indica o Dr. Daniel Benitti, cirurgião vascular médico especialista em Lipedema que atende em São Paulo, Campinas e a distância (on-line). 

Pesquisas separadas em homens mais velhos e mulheres mais velhas mostraram que aqueles que pontuam mais alto no AHEI têm melhor desempenho em atividades como subir escadas, levantar mantimentos, caminhar um quilômetro e meio e se envolver em atividades moderadas ou vigorosas do que aqueles com pontuação mais baixa.

Um estudo global observou grandes variações entre os países na qualidade da dieta e previu que melhorar as dietas atuais poderia prevenir milhões de mortes por câncer, doença arterial coronariana, acidente vascular cerebral, doenças respiratórias, doenças renais, diabetes e doenças digestivas.

LEIA TAMBÉM: Como conviver com uma doença crônica?

Mas, como posso usar o AHEI?

Não é prático usar o sistema de pontuação AHEI real, mas você pode facilmente incorporar mais alimentos saudáveis do AHEI em sua dieta. Algumas das principais opções incluem:

Vegetais

vegetais

Planeje comer cinco por dia e concentre-se em porções extras de vegetais de folhas verdes, o que pode ajudar a reduzir o risco de diabetes. Fuja das batatas fritas.

Frutas

Frutas

Tente comer quatro porções por dia, uma quantidade que pode ajudar a proteger contra doenças cardiovasculares e alguns tipos de câncer. Evite suco de frutas, porque beber demais pode aumentar o risco de diabetes.

Grãos integrais

Grãos vegetais

Comer de cinco a seis porções por dia pode ajudar a evitar doenças cardiovasculares, diabetes e câncer colorretal. Minimize grãos refinados, que estão associados a um risco maior de diabetes, doenças cardiovasculares e potencialmente outras doenças crônicas.

Nozes, legumes e proteína vegetal (tofu)

Nozes

Obter uma porção por dia de proteína dessas fontes é uma maneira saudável de adicionar nutrientes à sua dieta e pode ajudar a proteger contra diabetes e doenças cardiovasculares.

Peixe

peixe

Adicionar peixe ao seu plano semanal de refeições pode dar ao seu corpo uma dose de ácidos graxos saudáveis, o que pode ajudar a reduzir o risco de doenças cardiovasculares e potencialmente diabetes.

Gorduras saudáveis

Azeite - gordura saudável

Adicionar gorduras insaturadas saudáveis à sua dieta ajuda a reduzir o risco de doenças cardiovasculares e diabetes. Uma boa opção é o azeite de oliva. Essas gorduras saudáveis são particularmente benéficas se você as trocar por gorduras saturadas, como manteiga.

LEIA TAMBÉM: Jejum intermitente: quais os efeitos na saúde, envelhecimento e doenças crônicas?

LEIA TAMBÉM: 5 alimentos que causam muita inflamação no seu corpo

Para consulta e agendamento com o Dr. Daniel Benitti em Campinas, ligue para (19) 3233-4123 ou (19) 3233-7911.

Para consultas com o Dr. Daniel Benitti em São Paulo, ligue para (11) 3081-6851.

Caso prefira, entre em contato diretamente com ele via e-mail:

o-que-comer-lipedema-dr-daniel-benitti

O que você come tem um impacto enorme na sua saúde. Principalmente se você tem Lipedema.

Muitos estudos evidenciam o mesmo que vemos nas mulheres com Lipedema: a alimentação tem um impacto enorme na inflamação. A diferença é qual local do corpo inflama. A alimentação é o melhor e o pior remédio que qualquer pessoa pode utilizar diariamente. As escolhas e orientações são fundamentais para uma vida saudável. A alimentação correta pode realmente melhorar a sua saúde e diminuir o risco de desenvolver qualquer doença crônica

importancia-ler-rotulo-alimentacao-saudavel-dr-daniel-benitti-cirurgiao-vascular-sao-paulo-campinas

Por que ler o rótulo é fundamental para se alimentar bem?

A má alimentação é um dos principais fatores que contribuem para a morte e doenças crônicas no mundo. Dietas não saudáveis, caracterizadas pelo consumo excessivo de alimentos ultraprocessados e bebidas açucaradas, aumentam o risco de obesidade, diabetes tipo 2, doenças cardíacas e outras doenças crônicas, como o Lipedema. Muitos desses malefícios podem ser evitados se você ler o rótulo dos produtos.

receitas-doces-saudaveis-dr-daniel-benitti-cirurgiao-vascular-sao-paulo-campinas

5 receitas para matar a vontade de comer doces sem sair da dieta!

A vontade de comer um doce está alta? A sua calça jeans não quer mais ser sua amiga? A pandemia e as incertezas fazem com que a vontade de comer doces aumente. Não está fácil manter o peso e a atividade física ainda está restrita. A melhor forma de controlar essa vontade é criar os seus doces saudáveis, com seus próprios ingredientes, em vez de comprar doces processados na loja.