flat-lay-assortment-fruits-vegetables_23-2148487765-jpg-740×657-

11 SUPER ALIMENTOS segundo estudos da Harvard

Rate this post

O que é um superalimento?

Os superalimentos não são uma categoria de alimentos nutricionalmente reconhecida, portanto não há critérios específicos que um alimento deva atender para ser considerado tal. Mas o título é normalmente reservado para alimentos naturais que são especialmente ricos em nutrientes, embora geralmente tenham poucas calorias.

 

Cada superalimento tem propriedades nutricionais diferentes, mas no geral estão associadas a:

  • Saúde do coração;
  • Um sistema imunológico forte;
  • Prevenção do câncer;
  • Inflamação reduzida;
  • Diminuir o colesterol.

Os superalimentos são, em certo sentido, exatamente o que parecem: uma categoria de alimentos supersaudáveis. Mas nem todo alimento saudável é um superalimento.

Em particular, os superalimentos são ricos em:

Antioxidantes: Esses compostos naturais protegem as células contra danos e podem diminuir o risco de doenças cardíacas, câncer e outras doenças.

Minerais: Esses nutrientes essenciais (como cálcio, potássio, ferro e similares) ajudam seu corpo a ter um desempenho mais alto.

Vitaminas: É melhor obter esses compostos orgânicos de alimentos naturais – como superalimentos – do que de suplementos.

Os superalimentos também podem ser ricos em:

Fibra: A fibra ajuda a diminuir o colesterol, prevenir doenças cardíacas e controlar a glicose no diabetes tipo 2.

Flavonóides: Encontrados nas plantas, os flavonóides têm propriedades antiinflamatórias e anticancerígenas.

Gorduras saudáveis: As gorduras monoinsaturadas e poliinsaturadas, também conhecidas como “gorduras boas”, ajudam a reduzir o colesterol e a prevenir doenças cardíacas e derrames.

“ Vários estudos avaliaram os benefícios para a saúde dos superalimentos. Peptídeos bioativos presentes em diferentes culturas alimentares, como milho, feijão comum, amaranto, quinoa e chia, são conhecidos por terem uma ampla gama de propriedades, incluindo propriedades anti-hipertensivas, anti-colesterol, anti-inflamatórias, anticancerígenas e antioxidantes. Os superalimentos são aqueles que oferecem benefícios excepcionais à saúde, além do que você esperaria com base apenas no seu perfil nutricional” – Explica o Dr. Daniel Benitti, cirurgião vascular médico especialista em Lipedema que atende em São Paulo, Campinas e a distância (online).

Exemplos de superalimentos:

A maioria é de origem vegetal mas alguns peixes e laticínios também fazem parte

1. Abacate

O abacate é rico em gorduras monoinsaturadas saudáveis para o coração, que reduzem o risco de doenças cardíacas e derrames. Apenas um abacate contém mais potássio do que uma banana e os benefícios do abacate para a saúde são infinitos.

2. Berries

Carregadas com flavonóides, a American Heart Association afirma que as frutas vermelhas podem ajudar a diminuir o risco de ataques cardíacos em mulheres. As frutas vermelhas na categoria de superalimentos incluem:

  • Açaí;
  • Amoras;
  • Cranberries;
  • Goji berries;
  • Framboesas;
  • Cerejas.

3. Beterraba

Essas raízes vegetais obtêm sua coloração em tons de joia das betalaínas, um pigmento vegetal natural que contém antioxidantes e está associado a propriedades antiinflamatórias.

4. Chia

Essas pequeninas sementes são uma boa fonte de fibras, proteínas e antioxidantes, além de vitaminas e minerais como fósforo, magnésio, ferro e zinco.

5. Canela

A canela é conhecida por reduzir a inflamação, os níveis de açúcar no sangue e o colesterol. É também um alimento básico da Dieta Mediterrânea.

6. Folhas verdes escuras

Folhas verdes escuras contêm vitaminas A, C e E e podem prevenir o câncer. Eles também são ricas em vitamina K, que é boa para a saúde óssea e cardiovascular, e folato, que promove a saúde do coração.

7. Alho

Este saboroso vegetal é conhecido por aumentar a imunidade, funcionar como antiinflamatório, melhorar a saúde cardiovascular e muito mais.

O alho cru é mais saudável do que o alho cozido, mas o alho preto fermentado, que contém poderosos antioxidantes, pode ser o mais saudável de todos.

8. Gengibre

Esta especiaria popular contém vitamina C, magnésio e potássio. Os muitos benefícios do gengibre para a saúde também incluem o alívio da dor e a regulação do açúcar no sangue. É um excelente estimulante para iniciar o dia.

9. Chá-verde

As folhas de chá-verde são carregadas com catequina, um composto antioxidante com propriedades anticancerígenas que ajuda a proteger as células contra danos.

O chá-verde também está associado à prevenção do câncer, ao combate a doenças cardíacas e à redução da pressão arterial.

10. Salmão

A American Heart Association recomenda comer duas porções de peixe por semana. Este peixe de águas geladas é rico em ácidos graxos ômega-3, que podem ajudar a prevenir doenças cardíacas e que seu corpo não consegue produzir sozinho.

11. Iogurte e Kefir

Iogurte e kefir (uma bebida láctea fermentada) são probióticos cheios de bactérias benéficas que apoiam a saúde intestinal e também são uma boa fonte de cálcio e proteína. Eles estão associados à prevenção do câncer e à estimulação do sistema imunológico.

Fontes:

Para consulta e agendamento com o Dr. Daniel Benitti em Campinas, ligue para (19) 3233-4123 ou (19) 3233-7911.

Para consultas com o Dr. Daniel Benitti em São Paulo, ligue para (11) 3081-6851.

Caso prefira, entre em contato diretamente com ele via e-mail:

 

 

Leave A Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.