Vontade de comer doces.

Por que você tem vontade de comer doces ou salgados?

5/5 - (1 vote)

 

Vontade de comer doces.
As razões pelas quais temos vontade de comer açúcar e sal são em parte fisiológicas, em parte psicológicas e em parte por causa do ambiente em que vivemos.

 

Quando se trata de desejos por comida, você provavelmente se enquadra em uma das duas categorias:

  • Você pode desejar coisas doces, como biscoitos ou chocolate.
  • Você pode desejar um salgado ou batata frita.

Talvez você deseje os dois? Mas, saiba que muito pode ser dito sobre os tipos de alimentos que você deseja.

As razões pelas quais ansiamos por açúcar e sal são em parte fisiológicas, em parte psicológicas e em parte por causa do ambiente em que vivemos.

O ideal seria que nos alimentássemos de uma ingestão equilibrada ao longo do dia de carboidratos ricos em fibras, proteínas magras e gorduras saudáveis para o coração. Caso essa ingestão equilibrada não seja feita, o corpo cria a vontade/desejo por determinado tipo de comida.

“Eu gosto do comparativo de pessoas com carros, pois facilita a compreensão do mecanismo. Quando vamos realizar uma viagem, abastecemos o carro com combustível e depois seguimos a viagem. Se tiver pouco combustível no carro, a luz de combustível acende. Se o corpo não obtém o combustível de que precisa, fortes anseios físicos podem se manifestar por determinados alimentos para suprir uma necessidade metabólica que não foi suprida”, indica o Dr. Daniel Benitti, cirurgião vascular que atende em São Paulo, Campinas e a distância.

Quais são as 3 causas mais comuns do desejo/compulsão por doce ou salgado?

1.Você está morrendo de fome

Vontade de comer doces por fome excessiva.

Você toma um café da manhã leve e uma saladinha na hora do almoço. Acredita que essa combinação é ótima, pois é hipocalórica, mas, na verdade, você está preparando o seu corpo para o fracasso no final do dia e a noite.

Se você ficar muito tempo sem comer, o seu corpo irá ansiar pelos alimentos que geram energia o  mais rápido possível que são as farinhas/carboidratos refinados e açúcares simples. Eles também são conhecidos como carboidratos vazios, como salgadinhos, doces e biscoitos.

LEIA TAMBÉM: 7 dicas para vencer os desejos por carboidratos

Colocá-los em seu corpo no final do dia significa que as calorias serão armazenadas como gordura, pois o seu metabolismo irá diminuir a noite.

Além disso, comer pouco no período da manhã irá desacelerar o seu metabolismo, pois os “clock genes” não serão ativados. O seu corpo vai querer gastar menos energia, pois tem pouco combustível para terminar a viagem.

Outra armadilha popular da qual você pode ser culpada é pular refeições ou esperar muito tempo entre as refeições para comer.  Isso leva a uma fome significativa, que faz com que você deseje qualquer coisa doce ou salgada que possa encontrar e que gere um prazer momentâneo.

Ter uma mentalidade de tudo ou nada, como proibir todos os alimentos com açúcar ou sal, também pode sair pela culatra. Algumas pesquisas sugerem que a eliminação de alimentos doces e salgados faz com que você os deseje menos, mas isso deve ser seguido por um estilo de vida saudável com atividade física e controle do estresse. Como a maioria das pessoas não faz tudo junto, eventualmente, tendem a desistir e voltar a comer os alimentos que restringiram. Isso geralmente leva à compulsão.

É normal ficar irritada quando estamos com fome ou é apenas frescura? Isso tem relação com Lipedema?

2.Você não percebe como o açúcar e o sal podem ser viciantes

Vício em açúcar e sal.

Por que ansiamos por açúcar e sal, em particular?

Por um lado, eles têm um gosto bom. Muitas empresas de alimentos realizam pesquisas para determinar quais componentes dos alimentos mais seduzirão as papilas gustativas dos consumidores.

Nossos cérebros estão programados para aproveitar as coisas que nos fazem felizes. O açúcar, em particular, libera substâncias químicas cerebrais, como a serotonina, que nos fazem sentir bem. Isso nos deixa com vontade de experimentar essa sensação boa repetidamente, dia após dia. No entanto, esse efeito é fugaz, mas o restante do corpo irá sofrer muito para metabolizar todo o açúcar que foi ingerido.

Muitas pessoas dizem que são “viciadas em açúcar”, consumindo açúcar de verdade e adoçantes artificiais de várias formas. E alguns alimentos e bebidas doces e salgados são incrivelmente viciantes. É por isso que muitos alimentos processados são carregados com eles. Eles desencadeiam a liberação de dopamina, uma substância química do cérebro que nos motiva a ter comportamentos gratificantes.

Com o tempo, a nossa tolerância por alimentos doces e salgados aumenta e precisamos mais para nos recompensar. Somado a isso, os alimentos doces e salgados, principalmente ultraprocessados,  são facilmente acessíveis. 

“Isso é ainda pior para as crianças que ficam nas telas vendo vídeos de outras crianças abrindo e degustando doces e guloseimas, uma atrás da outra e ainda dizendo que são muito boas e saborosas. Isso parece um pesadelo. Além de não estarem fazendo alguma atividade, elas estão sendo alvejadas com uma propaganda que desperta uma vontade enorme de se alimentar desses mesmos produtos”, alerta o Dr. Daniel Benitti.

3.Você não está ouvindo o seu corpo

Vontade de comer devido ao estresse.

Estudos mostram que quando estamos cansados ou estressados é mais provável que você recorra a alimentos mais prazerosos e reconfortantes para compensar tudo o que está acontecendo.

Quem nunca disse “hoje eu mereço esse doce, pois meu dia foi pesado!” ou “ Vou comer este prato, pois minha semana foi fogo!”.

Na próxima vez que isso acontecer, preste atenção ao seu nível de estresse. O estresse crônico, além de aumentar os níveis de cortisol, pode prejudicar a capacidade das glândulas supra-renais de regular o sódio, o que pode levar ao desejo de sal. O excesso da ingestão do sódio inflama o corpo como um todo, principalmente nas mulheres com Lipedema.

LEIA TAMBÉM: O que você come tem um impacto enorme na sua saúde. Principalmente se você tem Lipedema.

Leve a sede em consideração também. Algumas pesquisas sugerem que confundir desidratação com fome também pode desencadear desejos. Beba 1 copo de água a cada hora.

Finalmente, se você tem diabetes, provavelmente sabe que fica com mais fome do que as outras pessoas. Mas, a fome excessiva pode significar que o açúcar no sangue está muito alto ou muito baixo.

Compreender as razões pelas quais você deseja esses alimentos doces e salgados pode ajudá-la a reduzir os desejos e trabalhar em direção a uma dieta mais equilibrada.

LEIA TAMBÉM: 7 lanches rápidos que você nunca deveria comer

LEIA TAMBÉM: 4 dicas para reverter hábitos que prejudicam a sua alimentação

Para consulta e agendamento com o Dr. Daniel Benitti em Campinas, ligue para (19) 3233-4123 ou (19) 3233-7911.

Para consultas com o Dr. Daniel Benitti em São Paulo, ligue para (11) 3081-6851.

Caso prefira, entre em contato diretamente com ele via e-mail:

Leave A Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.