voltar-a-praticar-atividade-fisica-dr-daniel-benitti-cirurgiao-vascular-sao-paulo-campinas

Descubra como voltar a fazer exercícios após uma longa pausa

5/5 - (3 votes)
voltar-a-praticar-atividade-fisica-dr-daniel-benitti-cirurgiao-vascular-sao-paulo-campinas

Qualquer pessoa que esteja voltando a fazer exercícios físicos depois de um longo período de inatividade precisa ir devagar. (Imagem: Freepik)

 

Um novo emprego, um filho ou uma rotina ocupada afastaram você de um estilo de vida mais ativo fisicamente? Infelizmente, é muito fácil perder o hábito da prática de exercícios, mas existem algumas etapas que aumentam as chances de sucesso no retorno às atividades físicas.

O Dr. Daniel Benitti, cirurgião vascular que atende em São Paulo e em Campinas, orienta que, antes de tudo é necessário passar por uma avaliação médica para garantir que a saúde cardiovascular e os exames de sangue estão ok para a prática de atividade física, além de realizar um exame de bioimpedância para identificar onde há maior acúmulo de gordura e quais áreas do corpo possuem menos massa muscular.

“Qualquer pessoa que esteja voltando a se exercitar depois de um longo período de inatividade, seja ex-atleta ou não, precisa ir devagar. Tentar levantar muito peso ou forçar o corpo a um alongamento ou a uma amplitude de movimento que ainda não esteja pronta pode resultar em micro trauma para os músculos”, alerta. O resultado é muita dor e desconforto após os treinos, além de maiores chances de lesão muscular. Por isso, o melhor é começar em um nível baixo para construir resistência e retreinar os músculos.

LEIA TAMBÉM: É jovem e não se exercita? Ligue o sinal de alerta!

LEIA TAMBÉM: Como se manter em forma depois dos 30 anos

LEIA TAMBÉM: Hipertensos podem e devem praticar atividades físicas

LEIA TAMBÉM: Esportes extenuantes como crossfit aumentam riscos de trombose e lesões

Sessões de alongamento também são fundamentais

alongamento-atividade-fisica-dr-daniel-benitti-cirurgiao-vascular-sao-paulo-campinas

O alongamento dinâmico é a melhor maneira de aumentar o desempenho e diminuir o risco de lesões com atividades esportivas e treinamentos com pesos. (Imagem: Freepik)

 

Uma boa maneira para começar é com o alongamento estático, que envolve manter uma postura no lugar e, em seguida, trabalhar extensões mais dinâmicas, como movimentos pendulares das pernas ou musculação sem carga, o que também ativa a circulação sanguínea.

O alongamento dinâmico é a melhor maneira de aumentar o desempenho e diminuir o risco de lesões com atividades esportivas e treinamentos com pesos.

É importante salientar que fazer exercício intenso cedo demais também pode retardar o progresso em longo prazo.

“Na academia, por exemplo, você precisa saber quais músculos recrutar, além de evitar cargas máximas com poucas repetições que, no início, não causam as alterações neurológicas necessárias para tornar o exercício mais benéfico no futuro”, complementa o Dr. Daniel Benitti.

Da mesma forma, essas regras se aplicam a um atleta que está experimentando um esporte pela primeira vez, já que ele não está preparado para esta nova modalidade e precisa começar devagar, aumentando aos poucos o desempenho. Caso contrário terá alguma lesão. Afinal, a memória de treino de um grupo muscular não é transferida para outro.

LEIA TAMBÉM: A importância do check-up vascular

LEIA TAMBÉM: O que o angiologista e cirurgião vascular trata?

LEIA TAMBÉM: O que esperar de uma consulta vascular?

Para consultas com o Dr. Daniel Benitti em Campinas, ligue para (19) 3233-4123 ou (19) 3233-7911.

Para consultas com o Dr. Daniel Benitti em São Paulo, ligue para (11) 3081-6851.

Caso prefira, entre em contato diretamente com ele via e-mail:

Leave A Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.